Reserva de emergência? Saiba o que é e por que você deve ter!

Reserva de emergência? Saiba o que é e por que você deve ter!

Reserva de emergência? Saiba o que é e por que você deve ter!
Divulgue essa notícia

Quem nunca passou por um aperto financeiro sem saber a quem recorrer? Imprevistos acontecem com qualquer um de nós e é para evitar problemas como esse que precisamos aprender a ter uma reserva de emergência. Além disso, descobriremos como usá-la no momento correto.

Você não sabe o que é, exatamente, uma reserva de emergência? Então, continue a leitura deste artigo para saber mais sobre o assunto e conheça também os motivos para você ter este aporte financeiro. Saiba mais a seguir!

O que é uma reserva de emergência?

Sabe aquele dinheiro que guardamos em uma poupança e que não mexemos por nada? Ele pode ser considerado uma reserva de emergência. Mas para entendermos melhor, dizemos que reserva emergencial é toda quantia guardada para ser usada durante imprevistos.

Este tipo de aporte financeiro é bastante comum entre os empresários mais experientes, que buscam ter ponderação na hora de gastar os lucros. Eles sempre visam o futuro, afinal, já passaram por momentos difíceis anteriormente.

E qual a importância desta reserva?

Sabemos que os imprevistos acontecem quando menos esperamos e, normalmente, quando estamos nas piores situações. Então, se pensarmos com calma, podemos observar que uma reserva emergencial é de suma importância, afinal, quando algo de errado acontece não se desesperar pela falta de dinheiro é o primeiro passo para conseguir resolver o problema.

Pensando em fazer a sua reserva de emergência, mas ainda não está inteiramente convencido? Conheça a seguir algumas razões para constituir o seu aporte financeiro emergencial e ficar mais tranquilo.

Quais as razões para contar com uma reserva de emergência?

Conheça agora, algumas razões para você também ter uma reserva emergencial e não passar sufoco quando algum imprevisto acontecer.

Problemas de saúde

Quem pode prever um acidente ou mesmo um problema de saúde? Claro que ninguém deseja passar por esses momentos, mas eles podem acontecer e costumam ocorrer quando menos esperamos.

Aquelas pessoas que não possuem plano de saúde estão mais suscetíveis a necessitar de um aporte emergencial, afinal, com saúde não se brinca e, além disso, consultas e exames custam caro. Entretanto, quem tem plano de saúde nem sempre está 100% coberto, sem falar dos preços dos remédios.

Reposição de bens necessários

A geladeira parou de gelar, o forno não acende mais, o celular e o notebook pararam de funcionar? Todos esses itens citados são bens necessários para a maioria de nós, e quando acontece algo com algum deles, é necessário sua reposição imediata, conserto ou mesmo troca.

Por isso, ter uma reserva de emergência é fundamental nesses momentos para não ficar sem os seus principais bens. Lembre-se que itens necessários são aqueles que não podemos viver sem ou que nossa vida ficaria muito mais difícil sem eles.

Desemprego

Sabemos que a crise econômica que o Brasil passa nos últimos anos está afetando diretamente o trabalhador, e ficar desempregado tem se tornado mais normal do que gostaríamos. Perder o emprego e não conseguir uma recolocação no mercado é frustrante, mas com uma ajuda tudo fica mais tranquilo.

E como para se recolocar no mercado está cada vez mais difícil, o aporte emergencial é de grande valia para suportar o período sem emprego que pode bater à porta de qualquer um de nós.

Quitação de dívidas

Ninguém deseja ter dívidas, porém um problema de saúde que necessite tirar dinheiro de uma conta para pagar a fatura do hospital ou da farmácia pode fazer com que estas sejam criadas.

Existem inúmeras maneiras de perder o controle das contas e, por isso, uma reserva emergencial pode ajudar bastante. No entanto, deve-se ficar atento para não fazer dívidas maiores do que se consegue pagar. Vale ressaltar que este tipo de montante deve ser usado somente em casos especiais.

Lembre-se que as emergências podem acontecer a qualquer momento, mas você precisa tomar cuidado para não estourar o orçamento com compras banais e achar que isso também é uma emergência.

Como ter uma reserva de emergência?

Depois de saber o que é e qual a importância da reserva emergencial, que tal sabermos como ter um aporte que pode nos socorrer? A primeira informação que você deve saber é que uma reserva de emergência deve manter seu padrão de vida por, no mínimo, seis meses.

Para saber quanto você deve guardar, faça um cálculo dos custos fixos e variáveis mensais. Portanto, se durante um mês, os custos com aluguel, água, luz, telefone, internet, alimentação e outros somarem R$ 2 mil, será necessário ter em sua reserva R$ 12 mil, a fim de cobrir os seis meses de despesas.

Devemos lembrar que para conseguir ter um aporte financeiro emergencial é preciso gastar menos do que se ganha. Ou seja, será necessário fazer um planejamento orçamentário para conseguir estabelecer metas e, por fim, conseguir montar a sua reserva de emergência.

Ao decidir montar a sua reserva, você pode optar ainda por investir o seu dinheiro. Como estamos falando de um montante específico para reserva de emergência, é preciso tomar cuidado e fazer investimentos de baixo risco e com maior liquidez.

Em outras palavras, queremos investir sem correr risco de perder dinheiro e, ao mesmo tempo, ter uma boa rentabilidade e maior liquidez. Afinal, será possível resgatar o dinheiro com muito mais facilidade e rapidez do que em outros tipos de investimentos.

Algumas opções para quem quer investir, mas não quer arriscar seu aporte são:

  • poupança;
  • certificado de depósito bancário (CDB);
  • tesouro Selic.

Vale ressaltar que entre as opções apresentadas, a poupança é a que tem menor rendimento, apesar da segurança e da facilidade que apresentam. Enquanto isso, os CDB’s e o Tesouro Selic têm melhor rentabilidade e maior liquidez, inclusive diária.

Agora que já entendeu o que é uma reserva de emergência e qual a sua importância, você deve saber que há formas de se ter um aporte emergencial. Uma das saídas para quem precisa de dinheiro rápido e fácil é realizando um empréstimo com garantia como um refinanciamento de veículos.

Se você gostou das informações que trouxemos, que tal nos seguir em nosso Facebook e ficar por dentro de tudo o que postamos? Não perca tempo e faça parte da nossa comunidade!

Deixe um comentário

Leia também:

Compartilhe e nos ajude:
Conheça nossas soluções de crédito
Visite nossas redes sociais
Últimas postagens
PRA VOCÊ
Últimas postagens